Pesquisa personalizada

domingo, 27 de novembro de 2011

sexta-feira, 11 de novembro de 2011

ATIVIDADE: POLIGONOS E ÂNGULOS

01) O número de diagonais de um hexágono, é:

a) 9

b) 11

c) 12

d) 13

02) O polígono que tem o número de lados igual ao número de diagonais é o:

a) hexágono

b) pentágono

c) triângulo

d) heptágono

e) não existe

03) ( PUC -PR ) A soma dos ângulos internos de um hexágono regular é:

a) 1080º

b) 540º

c) 360º

d) 180º

e) 720º

04) Cada ângulo interno de um decágono regular mede:

a) 230°

b) 130°

c) 144°

d) 28°

e) 150°

05) ( MACK-SP ) Os ângulos externos de um polígono regular medem 20°. Então o número de diagonais desse polígono é:

a) 90

b) 104

c) 119

d) 135

e) 152

clip_image006

06) – Determine o valor de x na figura abaixo

a) 10º

b) 12º

c) 15º

d) 17º

07) - Dois ângulos de um triângulo medem 81° e 28°. Qual a medida do terceiro

ângulo?

a) 71º

b) 110º

c) 81º

d) 101º

08) - No triângulo ABC abaixo, determine a medida do ângulo a.

clip_image009

a) 45º

b) 22º

c) 76º

d) 113º

09) - Determine o valor de x

clip_image011

a) x = 25º

b) x = 30º

c) x = 35º

d) x = 40º

10) - Ligue os polígonos para o nome indicado.

image                              Hexágo
image                            Triângulo
clip_image017                           Pentágono
image                           Quadrilátero
image                            Octógono

CAÇA PALAVRA DAS OPERAÇÕES

RESOLVA AS OPERAÇÕES E ENCONTRE O RESULTADO NO QUADRO ABAIXO:

a) 8 x 7 =             b) 24 : 2 =                    c) 7 x 6 =

d) 40 : 10=          e) 8 x 8 =                       f) 64 : 2 =

g) 100 : 4            h) 50 – 10 : 4                 i ) 27 : 3

j) 7 x 7 =             k) 30 : 10 + 12               l) 24 : 2 x 3

m) 4 x 3 : 4        n) 7 x 4                          o) 4 x 4 + 2

p) 8 x 10 + 1      q) 7 x 2                          r) 6 + 4 : 2 + 1

s) 7 x 5              t) 120: 6                        u) 7x3 + 6

image

PALAVRAS CRUZADAS - EQUAÇÕES DO 1° GRAU

 

clip_image002

   HORIZONTAL                                              VERTICAL

clip_image002[4]

quinta-feira, 10 de novembro de 2011

PLANO DE AULA: OPERAÇÕES COM NÚMEROS DECIMAIS

Disciplina: Matemática

Docente/estagiário: Clean Maria Reis Lourenço

Polo: Ananás Estado: Tocantins

Turma: 6° ano B do ensino fundamental

Tempo pedagógico previsto: 02 horas/aula

Tema da aula: Operações com números decimais

Semestre de Realização do Estágio: 2011.02

CONTEÚDOS

  • Operações com números decimais;

OBJTIVOS

Geral

  • Desenvolver habilidades voltadas para a utilização de números decimais no contexto do dia a dia do aluno;

Específicos

  • Ser capaz de utiliza-se das operações por estratégias pessoais ou técnicas convencionais;

  • Resolver situações – problemas envolvendo porcentagens em situações problemas;

METODOLOGIA

  • Dividir a turma em dupla e após entregar um cupom fiscal/encarte e para cada grupo e as orientações da atividade aplicada;

  • Falar da importância do cupom fiscal/encarte em seguida realizar a leitura do mesmo e propor aos grupos que façam uma analise dos itens, preços dos produtos que estão relacionados no cupom fiscal/encarte em forma de tabela;

  • Solicitar que escolha uns 05 itens de sua preferencia e façam os cálculos para verificar quanto pagaria por estes produtos;

  • Intervenção quanto os métodos utilizados para realizar as operações com os números decimais;

  • Confeccionar um cartaz e papel madeira para realizar a apresentação;

  • Socialização da atividade proposta;

  • Discussão/correção colaborativa das atividades (Feedback);

RECURSOS DIDÁTICOS

Cupom fiscal, encartes e panfletos de supermercado, papel madeira, pincel atômico, calculadora, projetor de slides, computador, notebook.

AVALIAÇÃO

  • Neste processo os alunos serão avaliados quanto ao desempenho nas atividades, realizadas em dupla quanto aos conteúdos desenvolvidos, às habilidades proposta a ser alcançada, a metodologia utilizada e a aprendizagem dos alunos quanto à compreensão e construção dos conceitos, procedimentos e atitudes, mostrando assim as habilidades e competências que conseguiram desenvolver ao longo da aprendizagem da matemática.

  • Será avaliada também a participação dos alunos durante a realização da atividade em dupla. E nos trabalhos confeccionados para serem apresentados em sala de aula.

BIBLIOGRAFIA

Referencial Curricular do Ensino Fundamental das escolas públicas do Estado do Tocantins: Ensino Fundamental do 1º ao 9º ano. 2ª Edição / Secretaria de Estado da Educação e Cultura. -TO: 2009.

Projeto Radix: matemática, 7° ano/Jackson da Silva Ribeiro. – São Paulo: Scipione, 2009.

PLANO DE AULA : NÚMEROS DECIMAIS

Disciplina: Matemática

Docente/estagiário: Clean Maria Reis Lourenço

Polo: Ananás Estado: Tocantins

Turma: 6° ano B do ensino fundamental

Tempo pedagógico previsto: 02 horas/aula

Tema da aula: Números decimais

Semestre de Realização do Estágio: 2011.02

CONTEÚDOS

  • Números decimais ; Leitura; Comparação; Representação;

OBJTIVOS

Geral

  • Desenvolver habilidades voltadas para a utilização de números decimais no contexto do dia a dia do aluno;

Específicos

  • Interpretar e produzir escritas numéricas que devem ser expressas por números racionais nas formas fracionárias e percentuais reconhecendo uso no contexto diário;
  • Representar e escrever e operar com números decimais;

METODOLOGIA

  • As aulas serão desenvolvidas através de situações – problemas do cotidiano do aluno. E a partir das mesmas serão ministradas aulas teóricas, explicativas e dentre outras;
  • Apresentação de um Slide falando da importância de estudar os números decimais;
  • Exibição de um vídeo números decimais aula15 mostrando onde os números decimais estão inseridos no cotidiano das pessoas;
  • Leitura de textos para introduzir os conceitos de alguns conteúdos. Textos retirados do próprio livro didático do  aluno, como também de outros livros que trazem informações sobre o assunto em estudo;
  • Propor algumas situações problemas do cotidiano que os alunos utilizam números decimais para que os mesmos possam responder oralmente;
  • Discussão/correção colaborativa das atividades (Feedback);

RECURSOS DIDÁTICOS

Textos impressos, projetor de slides, notebook, vídeo software (jogos educacionais sobre os números decimais);

AVALIAÇÃO

  • Neste processo os alunos serão avaliados quanto ao desempenho nas atividades, aos conteúdos desenvolvidos, as habilidades proposta a ser alcançada, a metodologia utilizada e a aprendizagem dos alunos quanto à compreensão e construção dos conceitos, procedimentos e atitudes, mostrando assim as habilidades e competências que conseguiram desenvolver ao longo da aprendizagem da matemática.
  • Será avaliada também a participação dos alunos durante a explanação do assunto proposto, nos exercícios resolvidos em sala de aula e extraclasse; nos trabalhos confeccionados para serem apresentados em sala de aula.

BIBLIOGRAFIA

Referencial Curricular do Ensino Fundamental das escolas públicas do Estado do Tocantins: Ensino Fundamental do 1º ao 9º ano. 2ª Edição / Secretaria de Estado da Educação e Cultura. -TO: 2009.

Projeto Radix: matemática, 7° ano/Jackson da Silva Ribeiro. – São Paulo: Scipione, 2009.

PLANO DE ENSINO

DADOS DE IDENTIFICAÇÃO

Escola ∕ Instituição: COLÉGIO ESTADUAL GETÚLIO VARGAS

Endereço da Escola: PRAÇA JK, N° 167

Disciplina: MATEMÁTICA

Turma: 6° ANO B

Docente/Estagiário: CLEAN MARIA REIS LOURENÇO

Polo: ANANÁS Estado: TO

Carga horária total: 90 h

Ano / Semestre de aplicação: 2011.02

EMENTA

Números decimais; Operações com números decimais; Porcentagem em forma decimal; Grandezas e suas medidas; Pesquisa: Organização de dados de uma pesquisa em tabelas e gráficos de barras, linhas e setores.

OBJETIVOS

Gerais

  • Desenvolver habilidades voltadas para a utilização de números decimais no contexto do dia a dia do aluno.
  • Compreender o significado das medidas, a partir de situações-problemas que expressem seu uso no contexto social e em outras áreas do conhecimento e que possibilitem a comparação de grandezas de mesma natureza.

Específicos

  • Interpretar e produzir escritas numéricas que devem ser expressas por números racionais nas formas fracionárias e percentuais reconhecendo seu uso no contexto diário;
  • Representar, escrever e operar com números decimais;
  • Ser capaz de utiliza-se das operações por estratégias pessoais ou técnicas convencionais.
  • Resolver situações – problemas envolvendo porcentagens em situações problemas;
  • Descobrir e reconhecer a existência de grandezas que podem se medidas com unidades que não mantém uma relação decimal entre si;
  • Utilizar adequadamente calculadora, computador e outros recursos tecnológicos disponíveis;
  • Ser capaz de coletar e organizar dados utilizando estratégias pessoais e convencionais de classificação para interpretar as informações veiculadas no dia a dia, representadas em listas, tabelas, gráficos de colunas e outros.

CONTEÚDO PROGRAMÁTICO

Distribuição do conteúdo programático

Previsão do Número de aulas

UNIDADE 1

1)Número decimais(comparação e representação)

2)Operações com números decimais;

3)Porcentagem em forma decimal;

6

UNIDADE 2

1) Grandezas e suas medidas em unidades não decimais;

2) Pesquisa(Organização de dados de uma pesquisa em gráficos de barras, linhas e setores).

4

METODOLOGIA

  • As aulas serão desenvolvidas através de situações – problemas do cotidiano do aluno. E a partir das mesmas serão ministradas aulas teóricas, explicativas e dentre outras;
  • Leitura de textos para introduzir os conceitos de alguns conteúdos. Textos retirados do próprio livro didático do aluno, como também de outros livros que trazem informações sobre o assunto em estudo.
  • Discussão/correção colaborativa das atividades (Feedback);
  • Realizar uma entrevista/pesquisa com a coordenadora da Merenda Escolar para coletar informações referentes aos alimentos adquiridos, quanto ao preço, calorias que são utilizadas na merenda escolar;
  • Levar os alunos para o laboratório de informática para os alunos construírem os gráficos o editor de planilha Excel da pesquisa realizada. (Ação do PDE: Gráficos iterativos);
  • Realizar uma apresentação dos gráficos interativos no programa PowerPoint e após apresentar para a turma utilizando o projetor de slide. (Ação do PDE: Gráficos iterativos);
  • Utilizar simuladores virtuais de compra para verificação de aprendizagem em relação à contextualização e utilização de números decimais no cotidiano do aluno;

RECURSOS DIDÁTICOS

Cupom fiscal, encartes e panfletos de supermercado, cardápio da merenda escolar (ver itens, preços, calorias), papel madeira, pincel atômico, calculadora, projetor de slides, computador, notebook, software (jogos educacionais sobre os números decimais);

INSTRUMENTOS E CRITÉRIOS DE AVALIAÇÃO

Algumas sugestões de avaliações em sala de aula:

  • Neste processo avaliamos quanto ao desempenho nas atividades, aos conteúdos desenvolvidos, as habilidades proposta a ser alcançada, a metodologia utilizada e a aprendizagem dos alunos quanto à compreensão e construção dos conceitos, procedimentos e atitudes, mostrando assim as habilidades e competências que conseguiram desenvolver ao longo da aprendizagem da matemática.
  • Será avaliada também a participação dos alunos, a frequência dos alunos em sala de aula, nos exercícios resolvidos em sala de aula e extraclasse, o professor dará visto no caderno em dois momentos: antes da correção para os que trouxeram a atividade de casa pronta ou em sala de aula e para os que só fazem depois dá correção, mas com pontuação diferente nestes dois casos, o mesmo será contabilizado no final de cada bimestre.
  • Os alunos serão avaliados durante participação na execução dos miniprojetos desenvolvidos em sala de aula, no pátio da escola, nos trabalhos confeccionados para serem apresentados em sala de aula.

CRONOGRAMA

CRONOGRAMA

DATA

CONTEÚDO

03/10

Números decimais: Leitura, comparação e representação;

07/10

Operações com números decimais;

10/10

Porcentagem em forma decimal;

14/10

Grandezas e suas medidas em unidades não decimais;

17/10

Pesquisa: Organização de dados de uma pesquisa em tabelas;

19/10

Confecção de gráficos de barras, linhas e setores.

REFERÊNCIAS BIBLIOGRÁFICAS

Referencial Curricular do Ensino Fundamental das escolas públicas do Estado do Tocantins: Ensino Fundamental do 1º ao 9º ano. 2ª Edição / Secretaria de Estado da Educação e Cultura. -TO: 2009.

Projeto Radix: matemática, 7° ano/Jackson da Silva Ribeiro. – São Paulo: Scipione, 2009.

sábado, 5 de novembro de 2011

AO COLEGA PROFESSOR(A)

As coisas que nos unem superam todas aquelas que nos separam.

Compartilhamos o mesmo planeta, a mesma terra, o mesmo céu e as mesmas esperanças e visões.

Ao ver as virtudes nos outros, ser capaz de acender seus corações com a chama do amor e apagar todos os traços de incompreensão.

Assim cresce a nossa solidariedade e a nossa união.

Sorria! Sempre! Mesmo que a vida lhe diga não. Você faz parte dos problemas,você é a solução!

Autor desconhecido

 

Parabéns professor!Anjo

15 de outubro de 2011

domingo, 16 de outubro de 2011

sexta-feira, 5 de agosto de 2011

AUTO AVALIAÇÃO - NÚMEROS NATURAIS

Estou disponibilizando um link para quem tiver interesse de aplicar esta auto avaliação sobre números naturais. Elaborei especialmente para aplicar aos alunos do 6º ano. Faça o teste com seus alunos e verifique as habilidades desenvolvida.

http://www.questionwritertracker.com/quiz/13575/4APZQ88E.html 

domingo, 24 de julho de 2011

PROPRIEDADES DA ADIÇÃO DE NÚMEROS NATURAIS

1. Propriedade Comutativa da Adição

Em uma adição de dois números naturais, a ordem das parcelas não altera a soma. Então, se a e b são números naturais quaisquer, temos a + b = b + a. Quando utilizamos este metodo, estamos usando a  propriedade é comutativa.

Exemplos:

40 + 24 = 64     ou       24 + 40 = 64

2. Propriedade Associativa da Adição

Em uma adição de três ou mais números naturais quaisquer, podemos associar as parcelas de modos diferentes. Então, se a, b e c são números naturais quaisquer, temos (a + b) + c = a + (b + c). Quando utilizamos este metodo, estamos usando a  propriedade associativa.

Sejam os númeos naturais 17, 23 e 30. Vamos determinar a soma desses valores, associando os números de dois modos diferentes:

(17 + 20) + 30             ou       17 + (20 + 30)

= 37 + 30                                  =  17 + 50

= 67                                            =  67

3. Propriedade Elemento Neutro da Adição

Em uma adição de um número natural com zero, a soma é sempre igual a esse número natural. Então, se a é um número natural qualquer, temos a + 0 = 0 + a = a. Nessas condições, o número zero é chamado de elemento neutro.

Exemplo:

Sejam os números naturais 45 e 0. Vamos determinar a soma desses números de duas maneiras, trocando a ordem das parcelas:

45 + 0 = 45     e      0 + 45 = 45

EXEMPLOS DE OPERAÇÕES

Leia as situações seguintes e indique a operação(adição, subtração, multiplicação ou divisão) mais adequada para resolvê-las.

1. Em uma criação de avetruzes, cada alqueire de terra comporta, em média, 150 avestruzes. Quantos desses animais comportaria uma área de 10 alqueires?

2. Uma empresa tem 600 funcionários. Desses, 250 têm mais de 30 anos de idade. Quantos funcionários dessa empresa têm 30 anos ou menos?

3. Em um navio trabalham 98 tripulantes de nacionalidade brasileira e 576 tripulantes de outras nacionalidades. Qual o total de tripulantes a bordo?

4. Um tênis custa 150 reais. Caio tem 100 reais. Quanto falta para Caio comprar o tênis?

5. Em uma sala de aula com 35 alunos, uma gincana será organizada. Cada grupo terá 7 alunos. Quantos grupos poderão ser formados?

6. Um painel luminoso mostra figuras em movimento. Para conseguir esse efeito, são utilizadas 75 linhas de lâmpadas com 120 lâmpadas em cada linha. Quantas lâmpadas há nesse painel?

7 – Pedro comprou seu carro em prestações iguais de 1350 reais, pagando no total 17 550 reais. Quantas prestações ele pagou?

 

RESPOSTAS:

1. Multiplicação;  2. Subtração; 3. Adição;  4. Subtração; 5. Divisão; 6. Multiplicação; 7. Divisão.

A IMPORTÂNCIA DAS OPERAÇÕES

As operações são usadas em diversas situações do cotidiano, por isso é muito importante conhece-lá as ideias de cada operação.

A adição é usada quando precisamos:

  • juntar duas ou mais quantidades;
  • acrescentar uma quantidade a outra quantidade;

A subtração é usada quando precisamos:

  • tirar uma quantidade de outra quantidade;
  • determinar a diferença entre duas quantidades;
  • comparar duas quantidades: quanto falta? quanto a mais?

A multiplicação é usada:

  • quando queremos adicionar muitas vezes a mesma quantidade;
  • em uma situação combinatória;
  • na ideia de organização retangular;
  • quando trabalhamos a ideia d proporcionalidade.

A divisão é usada quando:

  • precisamos repartir uma quantidade em partes iguais;
  • precisamos saber quantas vezes uma quantidade cabe na outra.

Fonte: GIOVANNI JÚNIOR, José Ruy: A conquista da matemática, 6º ano. – Ed.renovada. – São Paulo: FTD, 2009.

segunda-feira, 4 de julho de 2011

PESQUISA : SOBRE CONSOLES E GAMES

Pessoal, estou realizando uma pequisa sobre os  consoles e Games mais utilizados pelos estudantes da educação básica. Gostaria de sua contribuição, pois a mesma faz parte de um trabalho de especialização em mídias em educação.


Agradeço a sua contribuição.
 Click here to take survey

quarta-feira, 25 de maio de 2011

PROJETO GEOMETRIA E ARTES - SLIDES DAS AÇÕES

Projeto de Geometria e Artes

Os professores de Matemática e Artes do Colégio Estadual Getúlio Vargas de Ananás - TO,  realizaram várias  ações do Projeto de Geometria e Artes durante os meses de março, abril e maio deste ano. 
Todas as ações trabalhadas em sala de aula fazem parte do Projeto de Geometria e Artes cujo o objetivo  do mesmo é mostrar ao aluno que a geometria é um conhecimento necessário a todos, pois a mesma está presente em tudo; portanto é preciso saber ler e interpretar os diferentes códigos de linguagens tais como: leitura escrita, gráficos, tabelas, símbolos, imagens etc...; para ter uma participação ativa no meio em que está inserido. 
E além de ser capaz de ver que a geometria, contribui para a aprendizagem dos números e medidas, estimulando a observação, a percepção de semelhanças e diferenças, a construção, a aplicação de propriedades e a transformação de figuras. Como também ler uma imagem seja ela artística do cotidiano, identificando nas mesmas a presença das formas geométricas e compreendendo que a imagem é um texto que pode ser lido e interpretado através do fazer contextualizado. 
O projeto conta com várias ações   como: 01 - Explorando o espaço físico e objetos do cotidiano: 02 - Construindo figuras, objetos, animais, flores, pessoas com as peças do Tangran; 03 - Construção de vários mosaicos utilizando pintura, vidro, colagem e dentre outros; 04 - Oficina para construção dos sólidos geométricos com papel cartão, garrafa pet,  e com palito de dente e massa de modelar; 05 – Oficina de Arte e Geometria com os alunos da EJA : Confecção de sólidos geométricos com papel cartão, garrafa pet,   e dentre outros e confecção de cartões, mandalas,  mosaicos, telas  de Escher e dentre outras;  06 - Exposição com todos os trabalhos confeccionados pelos alunos durante as aulas.


No dia 19 de Maio de 2011, no Colégio Estadual Getúlio Vargas em Ananás - TO,  foi realizado o IV Dia "D" de Matemática e o Dia da Leitura com várias ações realizadas do Projeto Geometria e Artes, Projeto Brincando Também se aprende e do Projeto Formando Leitores Competentes. 
O evento foi um sucesso, pois o pátio do Colégio ficou repleto de trabalhos confeccionados pelos alunos durante a execução do Projeto.
O projeto Geometria e Artes é de autoria dos professores de matemática Clean Lourenço e Sebastião Sousa. 



O Dia "D" da Matemática foi escolhido para comemorar o Dia Nacional da Matemática que foi no dia 06 de maio, assim a Colégio decidiu comemorar no dia 19 de maio. 

segunda-feira, 23 de maio de 2011

SLIDE : Projeto Brincando também se Aprende


Projeto Brincando também se Aprende

No dia 19 de maio de 2011 foi realizado no Colégio Estadual Getúlio Vargas  em Ananás - TO, o IV dia "D" da Matemática com várias ações do Projeto Brincando Também se Aprende, cujo objetivo é trabalhar as operações matemáticas em vários contextos utilizando jogos para desenvolver habilidades em cálculos matemáticos. E além de proporcionar aos alunos uma aproximação maior na disciplina de matemática por meio de atividade que possam desenvolver habilidades de desafios, competições de cálculos matemáticos através de vários jogos pedagógicos. 
Foi um dia  repleto de atividades sendo que na parte da manhã foi destinado para os alunos do 6°ao 9° ano do Ensino Fundamental do período matutino e vespertino, já no período vespertino foi a vez dos alunos do 1° ao 5° ano do circuito campeão e a noite para os alunos do 3° segmento EJA. Durante o evento do IV dia "D" da Matemática foram desenvolvidas várias ações do projeto como: Pescaria das Operações, Leilão das Operações, Jogos( dominó das operações, trilhas, damas), Desafios de matemática, Palavras cruzadas com assuntos de matemática, Mini - Supermercado, Jogos interativos.
Considero que o evento foi um sucesso, pois os alunos participaram das atividades proposta para esse dia. Atividades desenvolvidas  que contribuíram para que  os alunos desenvolvessem a percepção de seu próprio valor promovendo à auto-estima, auto-respeito, a alegria de conviver, cooperação e resgatando os valores éticos e além de favorecer momentos de descontração para que levante a auto-estima, a curiosidade e a interação entre colegas e professores, como também aplicação dos   conceitos de matemática  visto no primeiro bimestre através das ações acima citada.


domingo, 8 de maio de 2011

CRUZADA DE MATEMÁTICA

Estou disponibilizando estas cruzadinha de matemática sobre polígonos, operações que foi elaborada especialmente para trabalhar o Projeto Brincando Também se Aprende. Este momento é uma das ações do  IV Dia D de Matemática que acontecerá no dia 19 de maio de 2011, no Colégio Estadual Getúlio Vargas em Ananás - TO.

domingo, 1 de maio de 2011

MATEMÁTICA E ARTE: SIMETRIA

A PRESENÇA DE SIMETRIA NA ARTE DAS MULHERES SOTHO

A arte das mulheres do povo sotho, em Lesoto, e regiões vizinhas na África do Sul pode ser vista estampada em pinturas nas paredes de suas casas. Os desenhos chamados de litema(singular: tema), apresentam alguns padrões geométricos e características de simetria.
As pinturas são feitas, em geral, para decorar festas de noivado, casamentos e outras cerimônias importantes.
Para dar forma aos desenhos, as mulheres usam uma mistura de lama e esterco para rebocar as paredes das casas, despois esculpem as figuras com as mãos e usam tinturas naturais para colorir.

Essa arte é sazonal, ou seja, muda conforme a estação do ano. A coloração nas estações da primavera e do verão é visivelmente diferente às encontradas durante o outono e o inverno. Os raios solares podem fazer a pintura a secar e rachar, e a chuva pode apagá-la.
Um padrão tema, como representado na figura 1 é frequemente constituído por um quadrado (figura 2) que forma a célula (unidade) do padrão. A partir do reflexo horizontal e vertical  da célula, em um quadrado dois por dois, ela aparece em quatro posições diferentes e assim podemos ver o padrão formado na figura 1.
Figura 2 – Célula (unidade) do litepo

sexta-feira, 22 de abril de 2011

7ª Olimpíada Brasileira das Escolas Públicas

Página PrincipalPágina Principal

Estão abertas as inscrições para a 7ª Olimpíada Brasileira de Matemática das Escolas Públicas - OBMEP 2011, promovida pelo Ministério da Ciência e Tecnologia e Ministério da Educação, em parceria com o Instituto de Matemática Pura e Aplicada e Sociedade Brasileira de Matemática. As inscrições vão até o dia 03 de junho, exclusivamente pelo sítio www.obmep.org.br.
Podem participar das olimpíadas, alunos da 6º ao 9º ano do Ensino Fundamental, do Ensino Médio e Educação de Jovens e Adultos (2º e 3º Segmentos) das escolas públicas. A competição é dividida em duas fases: a primeira é a prova objetiva de múltipla escolha, que acontecerá no dia 16 de agosto (terça-feira), desta fase participarão todos os alunos inscritos. A segunda fase constará de uma prova discursiva e participarão os 5% melhores classificados na 1ª fase.
As instituições promotoras do evento vão distribuir aos alunos vencedores 500 (quinhentas) medalhas de ouro, 900 (novecentas) medalhas de prata, 1800 (mil e oitocentas) medalhas de bronze. Além disso, serão concedidos certificados de Menção Honrosa a até 30.000 alunos.
Serão premiados 127 professores de matemática com um computador portátil e um pacote de programas livres relacionados ao ensino de matemática.

Google+ Followers